Certificações Abrangentes | Rótulos Ecológicos | Sistemas de Gestão Ambiental | Comércio Justo | Outras |
Certificações por área | Energia | Hídrica | Edifícios | Agricultura | Floresta | Têxtil | Cosmética | Produtos Marinhos |
Pegadas | Ecológica | Carbono | Hídrica |
Conselhos | Compra | Utilização | Limpeza | Alimentação | Festas | Lazer | Serviços | Fim de Vida Útil |

Conselhos - Festas


Refeições           Prendas           Árvore de Natal

 
 

Refeições

A preparação de refeições em dias de festa deve ter em conta o número de pessoas que vão estar presentes, de modo a evitar excessos e consequentes desperdícios.

Caso sobre uma quantidade significativa de comida, pode-se congelar uma parte e distribuir a restante pela família e amigos.

No capítulo dos doces, é fácil cair no exagero. No entanto, nada como puxar pela memória e apostar nas guloseimas que realmente fizeram sucesso em festas anteriores.

Quanto mais coisas forem feitas em casa, melhor. Poupam-se deslocações, resíduos de embalagem e, apesar de mais trabalhoso, sairá mais barato.

No caso do Natal, a tradicional escolha do bacalhau pode ser substituída por outro peixe. Caso se queira mesmo apostar no bacalhau, deve-se optar pelo de grande dimensão.

Loiças e talheres de plástico ou guardanapos de papel devem ser evitados e substituídos por alternativas laváveis e reutilizáveis, principalmente se existir máquina de lavar loiça.


 

Prendas

Na compra de um presente, por vezes acabamos por oferecer algo que tem pouca utilidade. Para evitar que isso aconteça e, manter à mesma o elemento surpresa, poderá pedir às pessoas uma lista de prendas desejadas ou oferecer um pacote de experiências.

Optar preferencialmente por produtos fabricados com materiais reciclados e pouco complexos, artesanato local, objetos úteis e reutilizáveis.

Se oferecer vestuário, escolha sempre que possível roupa confecionada com algodão biológico, certificado e produzido o mais perto possível.

Outra alternativa é oferecer cabazes de alimentos, que se sabe que a pessoa gosta e consome. Desde cabazes de frutas e vegetais de produção biológica, a cabazes com queijos, enchidos, compotas, frutos secos e garrafas de bebidas, são várias as possibilidades de oferta. Também produtos de higiene e beleza são uma boa alternativa.

Para embrulhar os presentes, em vez de se utilizar papéis novos, a estratégia pode passar por reutilizar os do ano anterior ou até utilizar jornais, revistas, caixas de cartão e oferecer embrulhos personalizados. Outra possibilidade é utilizar sacos de papel, que poderão ser reutilizados pelo destinatário.

No caso de a pessoa não precisar/querer nada, pode indicar aos familiares e amigos uma instituição ou associação de solidariedade social, em que estes podem antes entregar o dinheiro que normalmente gastariam nas prendas ou o seu equivalente em géneros.


No Natal, em que há mais prendas a dar, para além das opções anteriormente referidas existem outras soluções possíveis.

A estratégia do ‘amigo secreto’ é uma boa forma de reduzir o número de prendas a comprar, mantendo no entanto o espírito do momento. Consiste em sortear a pessoa para quem cada elemento terá de comprar uma prenda.

Para não haver desigualdades, poderá ser também estipulado um valor limite a gastar em cada oferta.

No caso de famílias com muitas crianças esta estratégia poderá ser mais difícil. Neste caso, pode-se limitar a oferta de presentes aos mais novos e oferecer-lhes menos, mas algo que realmente queiram. No caso de brinquedos com pilhas, que devem ser evitados, estas devem ser recarregáveis.

Para familiares ou amigos mais longínquos, o envio de postais de Natal eletrónicos personalizados pode substituir os tradicionais postais em papel.
 

 

Árvore de Natal

Na escolha da árvore de Natal, existe a possibilidade de escolher uma árvore natural ou artificial.

A opção mais ecológica é um pinheiro artificial, que pode ser mantido de ano para ano. Caso se faça questão pela compra de uma árvore natural, o ideal é comprar um pinheiro em vaso e com corte certificado, mantendo-o o resto do ano.

Na decoração da árvore ou da casa, a reutilização de materiais pode ser uma boa fonte de inspiração que não só sairá mais barata, como evita o consumo de novos elementos. Sempre que a sua compra for inevitável, a escolha deve recair em materiais duráveis e se possível reciclados.

Na iluminação de Natal, deve-se optar pelas lâmpadas LED, que têm uma redução de 80% na fatura da eletricidade quando comparadas com as lâmpadas tradicionais. Já existem no mercado jogos de luzes com lâmpadas LED e várias opções coloridas.

 

 

:: CONSELHOS

Quando for às compras escolha produtos de origem nacional, regional ou local.


HOME | DOCUMENTAÇÃO | LINKS | GLOSSÁRIO | CONTACTOS | Site desenvolvido por: