Mobilidade | Mobilidade Suave | Transportes colectivos | Partilha de viaturas |
Veículos | Combustão Interna | Veículos alternativos | Zonas de Emissões Reduzidas |
Componentes | Filtros de partículas | Catalisadores | Pneus |
Combustíveis | Biocombustíveis líquidos | Biomassa | Biocombustíveis gasosos | Combustíveis tradicionais |
Ruído | O que é | Efeitos na saúde | O que fazer | Contatos úteis | Conselhos |
Conselhos | Planeamento da deslocação | Na condução | Ar condicionado | Manutenção |

Conselhos - Planeamento da deslocação

  • No momento da escolha da sua habitação tenha em conta os factores de mobilidade;

  • Utilize os transportes públicos, ande a pé ou de bicicleta, especialmente para percorrer pequenas distâncias (até 3 km);

  • Informe-se da existência de transportes colectivos que lhe permitam realizar as suas deslocações quotidianas;

  • Na compra do automóvel, verifique a respectiva ficha técnica relativa ao consumo de combustível. Prefira automóveis de baixa cilindrada e eficientes. O imposto único de circulação pondera agora em 60% as emissões de dióxido de carbono;

  • Partilhe o veículo, sempre que possível, com colegas ou familiares nas deslocações de e para o local de trabalho, supermercado, etc.;

  • Evite carregar pesos desnecessários, na bagageira, devido à sua contribuição para o aumento significativo do consumo de combustíveis;

  • Sempre que não forem necessárias remova as barras exteriores de transporte do tejadilho pois estas diminuem a aerodinâmica da viatura e aumentam o seu consumo de combustível;

  • Planeie antecipadamente os percursos e escolha os mais descongestionados;

  • Em tempo de calor, opte por viajar em horas mais frescas, usando menos o ar condicionado e evitando o aumento do consumo de combustível;

  • Quando for de férias e antes de alugar um carro, informe-se no hotel sobre os transportes públicos na região ou sobre os serviços de transporte/visitas organizadas pelo próprio hotel;

  • Já existem em algumas cidades, bicicletas de aluguer (em alguns casos gratuito), como as “Bugas” em Aveiro ou as “biCas” em Cascais. Esta é uma forma de mobilidade alternativa, não poluente e benéfica para a saúde. Veja aqui alguns casos.


Se estiver indeciso entre fazer uma deslocação de transportes ou de automóvel, faça aqui a comparação das emissões associadas às duas opções.

 

Outros projectos  

:: CONSELHOS

Evite carregar pesos desnecessários, na bagageira, devido à sua contribuição para o aumento significativo do consumo de combustíveis.


HOME | DOCUMENTAÇÃO | LINKS | GLOSSÁRIO | CONTACTOS | Site desenvolvido por: